Blog do Betusko

LITERATURA, CONTOS, POEMAS E AFINS

O cavalo

Written By: Roberto - ago• 24•11

Há um cavalo morto na estrada
É a sombra de um lamento
É o segmento profundo do cárcere
É um ronco de turbina
É o rancor de água ferida
É um corpo enorme, tombado,
Negro, morto e necroteriado.

Os abutres avançam logo
Estraçalham, estilhaçam a carne
A crina ainda brilha
O brilho do sol é intenso
Perto da estrada, há o cemitério
Que ergue suas cruzes sombrias
Suas frias lajes mortuárias.

Há um cavalo morto na estrada
Para a alegria de alguns,
Para a tristeza de outros
Há um pranto no pasto
Há um canto no terraço
Há uma vela amarela
É o cavalo caído, morto na estrada.

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

buy email lists